Brainstorm – como reinventar a roda

Inovação é uma qualidade falada por tantos, que a própria palavra já não é original. Mas quando executada e alcançada, a coisa muda de figura. Seja em um novo produto, um novo procedimento, uma divulgação ou em qualquer simples atividade do dia-a-dia, conquistar o desigual, a ideia fora da caixa, o pulo do gato, faz toda a diferença!

Mas como conseguir a tão desejada boa ideia?

Primeiramente, é preciso colocar a cabeça para funcionar. Uma ótima opção é fazer uma tempestade de ideias um brainstorm. Esta é uma técnica realizada com um grupo de pessoas, em que todas as ideias podem ser expostas sem um julgamento precipitado. Todas são avaliadas e levadas em consideração. O objetivo é estimular o fluxo de ideias e fazer com que um conceito inicialmente bobo ou ridículo seja lapidado, se tornando em algo diferente e aplicável ao objetivo do projeto em questão.

Mas como estimular ideias loucas e fazer com que sejam inovadoras?

O brainstorm exige confusão e disciplina ao mesmo tempo, ou seja, uma bagunça organizada.

  • É importante que a equipe converse em um espaço confortável e agradável. Sinta-se livre para rabiscar, colorir, recortar e se divertir com pensamentos estranhos.
  • Por mais que a conversa seja descontraída e livre, é importante que uma pessoa seja responsável por direcionar a discussão, evitando que o objetivo principal seja desviado.
  • Esta pessoa importante que vamos chamar de mediador irá apresentar a questão a ser discutida e perguntar de quais maneiras isso pode ser resolvido (é importante mostrar que não existe apenas uma resposta certa).
  • É preciso definir um tempo máximo para jogar as ideias. Se passar de 15 minutos e não haver uma evolução nos pensamentos, é melhor ir tomar um suquinho e tentar novamente mais tarde.
  • E depois disso tudo, são avaliadas as melhores ideias, levando em conta: inovação, aplicabilidade, orçamento e possível resultado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>